Principais Empresas

Nelson Mandela

Nelson Mandela

Nelson Rolihlahla Mandela foi um líder político e posteriormente, presidente da África do Sul

Nelson Rolihlahla Mandela foi um líder rebelde e, posteriormente, presidente da África do Sul de 1994 a 1999. Principal representante do movimento anti-apartheid, considerado pelo povo um guerreiro em luta pela liberdade, era tido pelo governo sul-africano como um terrorista e passou quase três décadas na cadeia.

De etnia Xhosa, Mandela nasceu no pequeno vilarejo de Qunu, distrito de Umtata, na região do Transkei. Aos sete anos, Mandela tornou-se o primeiro membro da família a freqüentar a escola, onde lhe foi dado o nome inglês "Nelson". Seu pai morreu logo depois, e Nelson seguiu para uma escola próxima ao palácio do Regente. Seguindo as tradições Xhosa, ele foi iniciado na sociedade aos 16 anos, seguindo para o Instituto Clarkebury, onde estudou cultura ocidental.

Em 1934, Mandela mudou-se para Fort Beaufort, cidade com escolas que recebiam a maior parte da realeza Thembu, e ali tomou interesse no boxe e nas corridas. Após se matricular, ele começou o curso para se tornar bacharel em direito na Universidade de Fort Hare, onde conheceu Oliver Tambo e iniciou uma longa amizade.

Ao final do primeiro ano, Mandela se envolveu com o movimento estudantil, num boicote contra as políticas universitárias, sendo expulso da universidade. Dali foi para Johanesburgo, onde terminou sua graduação na Universidade da África do Sul (UNISA) por correspondência. Continuou seus estudos de direito na Universidade de Witwatersrand.

Como jovem estudante do direito, Mandela se envolveu na oposição ao regime do apartheid, que negava aos negros (maioria da população), mestiços e indianos (uma expressiva colônia de imigrantes) direitos políticos, sociais e econômicos. Uniu-se ao Congresso Nacional Africano em 1942, e dois anos depois fundou com Walter Sisulu e Oliver Tambo, entre outros, a Liga Jovem do CNA.

Depois da eleição de 1948 dar a vitória aos afrikaners (Partido Nacional), que apoiavam a política de segregação racial, Mandela tornou-se mais ativo no CNA, tomando parte do Congresso do Povo (1955) que divulgou a Carta da Liberdade - documento contendo um programa fundamental para a causa anti-apartheid.

Comprometido de início apenas com atos não-violentos, Mandela e seus colegas aceitaram recorrer às armas após o massacre de Sharpeville, em março de 1960, quando a polícia sul-africana atirou em manifestantes negros, matando 69 pessoas e ferindo 180.

Em 1961, ele se tornou comandante do braço armado do CNA, o chamado Umkhonto we Sizwe ("Lança da Nação", ou MK), fundado por ele e outros. Mandela coordenou uma campanha de sabotagem contra alvos militares e do governo e viajou para a Argélia para treinamento paramilitar.
Em agosto de 1962 Nelson Mandela foi preso após informes da CIA à polícia sul-africana, sendo sentenciado a cinco anos de prisão por viajar ilegalmente ao exterior e incentivar greves. Em 1964 foi condenado a prisão perpétua por sabotagem (o que Mandela admitiu) e por conspirar para ajudar outros países a invadir a África do Sul (o que Mandela nega).

No decorrer dos 27 anos que ficou preso, Mandela se tornou de tal modo associado à oposição ao apartheid que o clamor "Libertem Nelson Mandela" se tornou o lema das campanhas anti-apartheid em vários países.

Durante os anos 1970, ele recusou uma revisão da pena e, em 1985, não aceitou a liberdade condicional em troca de não incentivar a luta armada. Mandela continuou na prisão até fevereiro de 1990, quando a campanha do CNA e a pressão internacional conseguiram que ele fosse libertado em 11 de fevereiro, aos 72 anos, por ordem do presidente Frederik Willem de Klerk.

Nelson Mandela e Frederik de Klerk dividiram o Prêmio Nobel da paz em 1993.

Como presidente do CNA (de julho de 1991 a dezembro de 1997) e primeiro presidente negro da África do Sul (de maio de 1994 a junho de 1999), Mandela comandou a transição do regime de minoria no comando, o apartheid, ganhando respeito internacional por sua luta em prol da reconciliação interna e externa.

Ele se casou três vezes. A primeira esposa de Mandela foi Evelyn Ntoko Mase, da qual se divorciou em 1957 após 13 anos de casamento. Depois casou-se com Winie Madikizela, e com ela ficou 38 anos, divorciando-se em 1996, com as divergências políticas entre o casal vindo a público. No seu 80º aniversário, Mandela casou-se com Graça Machel, viúva de Samora Machel, antigo presidente moçambicano.

Após o fim do mandato de presidente, em 1999, Mandela voltou-se para a causa de diversas organizações sociais e de direitos humanos. Ele recebeu muitas distinções no exterior, incluindo a Ordem de St. John, da rainha Elizabeth 2ª., a medalha presidencial da Liberdade, de George W. Bush, o Bharat Ratna (a distinção mais alta da Índia) e a Ordem do Canadá.

Em 2003, Mandela fez alguns pronunciamentos atacando a política externa do presidente norte-americano Bush. Ao mesmo tempo, ele anunciou seu apoio à campanha de arrecadação de fundos contra a AIDS chamada "46664" - seu número na época em que esteve na prisão.

Em junho de 2004, aos 85 anos, Mandela anunciou que se retiraria da vida pública. Fez uma exceção, no entanto, por seu compromisso em lutar contra a AIDS.

A comemoração de seu aniversário de 90 anos foi um ato público com shows, que ocorreu em Londres, em julho de 2008, e contou com a presença de artistas e celebridades engajadas nessa luta.

Fonte - educacao.uol.com.br/biografias/ult1789u722.jhtm

Fotos - http://images.google.com.br/images?hl=pt-BR&q=nelson+mandela&um=1&ie=UTF-8&ei=El1gSuveG9WOtge17JHrDA&sa=X&oi=image_result_group&ct=title&resnum=4





  • Poços de Caldas.

    Terceira Idade na Internet

    A feira de arte e artesanato possui uma variedade de artigos produzidos pelos artesãos de Poços de Caldas

    Continue Lendo... »

  • PATRICK DIMON

    Terceira Idade na Internet

    Sua grande oportunidade de adquirir 4 CDs do Cantor Internacional PATRICK DIMON

    Continue Lendo... »

  • Carros 'flex'

    Terceira Idade na Internet

    Carros 'flex' terão IPI menor até o fim de março, diz Mantega

    Continue Lendo... »


Destaques Empresariais

Papelaria André
INFORMÁTICA - ESCRITÓRIO - CARIMBOS - XEROX - RUA VX DE NOVEMBRO 1573 - CENTRO FONE - 19 - 3561.8200

Casa dos Vasos - Floricultura -
ORQUÍDEAS, Arranjos, ramalhetes, vasos, mudas. Av. Newton Prado, 3130 - Pirassununga/SP
(19) 3561-2786

Marcos Pirajá
VISITE O SITE: WWW.MARCOSPIRAJA CANTOR.COM.BR

MPS Produções e Publicidade
Anuncie sua Empresa para a Terceira Idade - FONE - 19 - 9307.3700

MARCOS PIRAJÁ
CONTRATE CANTORES CANTORAS,HUMORISTAS, PARA SHOWS EM SUA CIDADE.CONSULTE-NOS.FONE 19 - 9307.3700.

MaxJet Cartuchos
Empresa especializada em recarga de Cartuchos e Toners. HP, LexMark, Canon...

Prisma Musical
Loja especializada em venda de Instrumentos Musicais: Violões, guitarras, pedais, baterias, baixo.

Minha Empresa...
...Minha História

www.restbeirario.com.br
www.restbeirario.com.br

Funerária Cobrinha
Funerária Cobrinha - Empresa Funerária São João

Rede Padovan
Rede Padovan - Como tudo começou,uma breve história...

Casa dos Vasos
Família Scantabule,há quatro gerações em Pirassununga

Celebridades

 

Wanderléa.
Wanderléa Charlup Boere Salim (Governador Valadares, 5 de junho de 1946) é uma cantora brasileira.

 

Elvis Presley.
Elvis Aaron Presley, foi um famoso músico e ator, nascido nos Estados Unidos da América

 

Paulo Moura
Nascimento: 17/02/1933, São José do Rio Preto, São Paulo, Brasil

 

Pery Ribeiro
PERY RIBEIRO

 

Adoniran Barbosa
Autor de ´Saudosa Maloca´ e ´Trem das Onze´, Adoniran Barbosa faria 100 anos em 2010

 

Juca de Oliveira
José de Oliveira Santos ( JUCA DE OLIVEIRA )

 

Herbert Richers
Morre no Rio Herbert Richers - O pioneiro da Dublagem no Brasil

 

Roberto Carlos
Roberto Carlos começa turnê internacional em 2010

 

Martha Rocha
Martha Rocha

 

Pena Branca e Xavantinho
Pena Branca e Xavantinho

 

José Mauro de Vasconcelos
José Mauro de Vasconcelos ,autor de belos romances

 

Ana Maria Braga

 

Jamelão
Jamelão, (Rio de Janeiro, 12 de maio de 1913

 

Noel Rosas
Noel Rosas o Poeta da Vila faria 100 anos em 2010

 

Manoel Carlos
Manoel Carlos Gonçalves de Almeida, mais conhecido apenas como Manoel Carlos ou simplesmente Maneco